(11) 2604-8852

(11) 2604-8848

Ação Educativa


Tsunessaburo Makiguti

“O aluno só tem motivação para aprender o que tem significado para ele.”

- Tsunessaburo Makiguti

Fundamentado nas ideias e propostas do educador japonês Tsunessaburo Makiguti – "o estudo não é visto como uma preparação para a vida, ao contrário, ele acontece enquanto se vive, e o viver acontece em meio ao estudo". Sendo assim, estudo e vida são considerados mais que paralelos, trocam informações entre si, relacionam-se de acordo com o contexto. O estudo na vida e a vida no estudo por toda a existência do indivíduo.


A aprendizagem será significativa quanto mais relações o aluno conseguir estabelecer com seu cotidiano. Sendo assim, os conteúdos são desenvolvidos levando - se em conta os conhecimentos anteriores. Dessa forma os alunos estabelecem relações entre os conteúdos estudados e a vida real.

AÇÃO EDUCATIVA

Nossa escola está embasada nos princípios do humanismo.

Através de um currículo de qualidade, procuramos enaltecer e respeitar todos os envolvidos.
A equipe procura conhecer cada aluno e sua família, respeitar as diferenças, com o objetivo de propiciar aos alunos, uma boa formação cultural, crítica, criativa, com valores humanitários sólidos.

Nossa ação educativa (nossa proposta pedagógica) está fundamentada nas ideias e propostas do educador japonês Tsunessaburo Makiguti.

O professor Makiguti, foi um educador, professor, diretor de escola na década de 30 no Japão e era muito inconformado com o sistema da época que preparava os alunos para a guerra, para servir aos interesses do estado. Ele dizia, ...essa não é a função da escola. Escola não é para isso... O aluno tem que se desenvolver e ser feliz enquanto estuda.

Essa felicidade, não é no sentido do prazer e sim através da realização. Ele diz que todo ser humano quando realiza alguma coisa, sente satisfação. Ex. conseguir realizar um conserto, preparar uma refeição, desempenho no trabalho, etc. O mesmo ocorre em relação aos alunos.

Quando a criança está na Educação Infantil, adora a escola. Por que? Por que é mais fácil? Não. Porque enquanto está na Educação Infantil ela realiza coisas o tempo inteiro. Pinta, cola, recorta, dança, canta, etc. Ao passar para o Ensino Fundamental, o fazer se esvai na maioria das escolas e apenas escreve, escreve, copia... Ir à escola se torna enfadonho, cansativo e desinteressante. Em sua maioria, os amigos passam a ser o que motiva o aluno ir para a escola.

Sendo assim, visando a felicidade, gosto em aprender dos alunos e sua boa formação, temos como metodologia de ensino, a prática de vivenciar os conceitos e conteúdos, contidos no planejamento escolar, no material didático.

A aprendizagem será significativa, quanto mais relações o aluno conseguir estabelecer com seu cotidiano. Sendo assim, os conteúdos são desenvolvidos levando-se em conta os conhecimentos anteriores. Dessa forma os alunos estabelecem relações entre os conteúdos estudados e a vida real.

O professor Makiguti, diz que “o estudo não é visto como uma preparação para a vida, ao contrário, ele acontece enquanto se vive, e o viver acontece em meio ao estudo”.

Exemplos de conteúdos escolares desenvolvidos de forma significativa:


Por estar associado à UNESCO, a metodologia e a ação educativa do colégio estão alicerçadas nas diretrizes do:



O que se espera ao final de cada segmento:

Educação Infantil – Adquirir: identidade, autonomia, e atitudes adequadas ao convívio social, através de atividades educativas e lúdicas, vencendo etapas por faixa etária.

Ensino Fundamental I - Saber: ler com fluência, interpretar com precisão, escrever com coerência e coesão de acordo com a norma padrão da língua portuguesa, solucionar problemas fazendo uso das 4 operações matemáticas fundamentais.

Ensino Fundamental II - Ter: bom relacionamento entre os pares, organização para o estudo (na sala de aula e em casa), conhecimento, motivação para fazer, criar, opinar e argumentar a partir do conhecimento desenvolvido na escola.

Ensino Médio - Saber: decifrar, resolver, aplicar, articular e relacionar termos da linguagem própria de cada componente curricular.
                        - Ter: condições de candidatar-se e concorrer com confiança e determinação a qualquer  curso em universidades do território nacional; possibilidade para refletir sobre qual profissão seguir através de pesquisa para trabalho de conclusão de curso – TCC.




Materiais didáticos utilizados para apoiar o desenvolvimento dos conteúdos

Educação Infantil: Projeto Buriti – Editora Moderna

Ensino Fundamental e Médio: - Porta de Papel - FTD (sistematizar a construção da escrita)
                                                    - Sistema COC de Ensino
                                                    - Coleção OPPE – Metodologia OPEE

Cabe a Coordenação de cada segmento, elaborar o Planejamento de Ensino, contendo o conteúdo exigido pela legislação, bem como o conteúdo contido no material didático, de maneira a contemplar e aplicar a Ação Educativa (metodologia de ensino) da escola.

A escola utiliza material do Sistema Coc de Ensino no Ensino Fundamental e Médio e material da Editora Moderna ( Buriti ) na Educação Infantil.